NPdiário | Cida confirma recursos para assistência social no Norte Pioneiro

Cida confirma recursos para assistência social no Norte Pioneiro

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email

Convênios formalizados nesta segunda-feira

Mais 14 municípios do Norte Pioneiro receberam recursos do Governo do Estado para a assistência social e garantia de direitos de crianças e adolescentes, pessoas com deficiência e famílias em situação de vulnerabilidade e risco social. Os convênios, que somam R$ 61 milhões, foram formalizados pela governadora Cida Borghetti nesta segunda-feira (3), em solenidade com prefeitos e gestores municipais, no Palácio Iguaçu, em Curitiba.

Dessa vez, foram beneficiados Abatiá, Barra do Jacaré, Conselheiro Mairinck, Guapirama, Jaboti, Japira, Joaquim Távora, Jundiaí do Sul, Pinhalão,Quatiguá,  Ribeirão Claro, Ribeirão do Pinhal, Salto do Itararé e Santana do Itararé.

Participaram da solenidade o secretário de Estado da Fazenda, José Luiz Bovo; os deputados estaduais Pedro Lupion e Luiz Cláudio Romanelli; a deputada federal eleita Luiza Canziani;entre outros.

A governadora destacou o compromisso de sua gestão com a causa das pessoas que vivem em situação de vulnerabilidade. “Temos trabalhado em um ritmo alucinante com prioridade no atendimento a quem mais precisa do apoio do Estado. Afinal, pessoas e famílias com os direitos violados não podem esperar para receber atendimento”, disse Cida.

Para a secretária de Estado da Família e Desenvolvimento Social, Nádia Moura, com essa medida o Governo do Estado dá mais um passo para o fortalecimento das políticas de garantias de direito e de assistência social do Paraná. “Temos que assegurar que todas as pessoas tenham acesso aos programas, serviços e benefícios estabelecidos pelo Sistema Único de Assistência Social (Suas) para superar suas fragilidades”, afirmou.

CRIANÇA E ADOLESCENTE – Do total de recursos, R$ 12,5 milhões vêm do Fundo Estadual para a Infância e Adolescência (FIA), administrado pela Secretaria da Família e Desenvolvimento Social. O valor será aplicado na estruturação de conselhos tutelares, atendimento a crianças e adolescentes vítimas de violência e fortalecimento do programa Crescer em Família, que prevê o acolhimento institucional e em família acolhedora para crianças afastadas de suas famílias por medida judicial.

O dinheiro também será usado para ações preventivas desenvolvidas nos Centros de Referência em Assistência Social (Cras) e em medidas de prevenção ao uso de álcool e outras drogas para crianças, adolescentes e suas famílias. Em um mês, o total repassado foi de R$ 37 milhões para 314 municípios para garantir a proteção integral de crianças e adolescentes.

Veja detalhes dos benefícios http://www.aen.pr.gov.br/arquivos/0312tabelamunicipiosE.pdf

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email

Comentários

  • Facebook
  • Google Plus

Notícias relacionadas