NPdiário | Parceria entre Tecpar e Uenp estimula inovação e empreendedorismo

Parceria entre Tecpar e Uenp estimula inovação e empreendedorismo

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email

Um dos projetos é a criação de um Circuito Sustentável do Norte Pioneiro do Paraná com conteúdos de biologia, química, física, matemática, história, português, inglês e libras

A parceria entre o Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar) e a Universidade Estadual do Norte do Paraná (Uenp) vai incentivar a inovação, desenvolvimento de soluções tecnológicas, apoio ao setor produtivo, sustentabilidade e empreendedorismo na região. Na semana passada, o Tecpar fez a cessão das instalações de sua unidade em Jacarezinho para a Uenp.

“Essa integração é essencial para o desenvolvimento regional. Temos expectativas grandes em relação às nossas instituições de ensino públicas do Paraná. A Região Norte Pioneira do Paraná tem muito o que avançar, e a Uenp tem um papel estratégico, com o monitoramento do conhecimento, de construção de soluções”, disse o deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB).

Durante a solenidade, a Uenp anunciou para o espaço cedido à Universidade o desenvolvimento de projetos e ações formativas nas áreas de ensino, pesquisa, extensão, cultura e internacionalização voltadas à comunidade local e regional.

“Este espaço será muito bem utilizado e trará benefício imediato para toda a população. Vai desenvolver projetos de pesquisa e extensão, o espaço beneficiará toda a comunidade da região, pelas ações formativas e culturais que serão realizadas”, disse a reitora Fátima Padoan.

INOVAÇÃO – Além da cessão do espaço, a Tecpar também disponibilizou três colaboradores para o desenvolvimento de soluções junto ao corpo acadêmico da Uenp.  O diretor-presidente do Tecpar, Jorge Callado, destacou que a parceria tem como foco unir esforços entre educação, desenvolvimento, soluções e difusão tecnológica.

“A parceria deve fomentar o apoio científico e tecnológico às atividades de diversos setores econômicos de interesse para o Estado, com a difusão de tecnologias de gestão para a melhoria da competitividade das organizações públicas e privadas”.

Para o superintendente de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior do Paraná, Aldo Nelson Bona, essa parceria é importante para otimizar a utilização do espaço. “A ideia é que possamos levar muitos projetos de extensão para atender principalmente a comunidade ao entorno, fazer um grande centro formador na área de ciências e educação”, ressaltou.

ATIVIDADES – Entre as atividades previstas para serem desenvolvidas no espaço estão: oficinas de introdução ao empreendedorismo; laboratório de internacionalização e interface pesquisa-comunidade: apoio a agricultura familiar no Norte Pioneiro.

Um dos projetos é a criação de um Circuito Sustentável do Norte Pioneiro do Paraná com conteúdos de biologia, química, física, matemática, história, português, inglês e libras. O projeto prevê a montagem de um planetário, mostrando a origem da vida, uso de combustíveis fósseis, biocombustíveis e a industrialização da região. Também serão apresentados conteúdos sobre produção alimentícia, métodos químicos e físicos, robótica e sobre o histórico da Uenp.

Ainda estão previstos projetos como o DaFIBRA (oficina de artesanato com a fibra do bagaço da cana-de-açúcar); Capoeira Contemporânea; Não era uma vez – Era uma vez mais (contação de histórias); Acordes e Batuques – Musicalidade e o  Museu de Arte Popular do Norte do Paraná.

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email

Comentários

  • Facebook
  • Google Plus

Notícias relacionadas