NPdiário | Pro Tork vence três categorias no Brasileiro de Motocross 2020

Pro Tork vence três categorias no Brasileiro de Motocross 2020

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email

Willian Guimarães, Mariana Balbi e Gabriel Andrigo levaram a maior fabricante de motopeças da América Latina ao alto do pódio

 

O Campeonato Brasileiro de Motocross 2020 teve início com o GP Pro Tork no fim de semana, dias 26 e 27 de setembro, no Kartódromo Internacional Beto Carrero, em Penha (SC). A maior fabricante de motopeças da América Latina não só patrocinou e deu nome ao evento como ainda conquistou três vitórias.

Willian Guimarães foi um dos destaques ao ganhar a MX4. “Larguei no pelotão da frente e fui estudando os adversários até alcançar a ponta, depois bastou manter a posição. Fiquei muito feliz com o desempenho”, disse o tricampeão nacional, que recentemente também venceu o coronavírus.

Além dele, Mariana Balbi fez bonito em seu retorno a competição após algum tempo afastada, com o primeiro lugar entre as mulheres na classe MXF, enquanto Gabriel Andrigo comemorou a primeira colocação na MX2JR e também a quinta posição na MX2.

E os bons resultados não pararam por aí, ainda subiram ao pódio pela Pro Tork: Frederico Spagnol com o segundo lugar na MX2, Kevyn de Pinho com o segundo na 65cc, Rodrigo Taborda com o terceiro na MX3, Gustavo Pessoa com o quarto na MX1 e Paulo Stedile com o quarto na MX4.

Agora, o foco se volta para a segunda etapa da temporada, que acontece já neste fim de semana, dias 3 e 4 de outubro, no mesmo local, pista que já sediou uma prova do Mundial em 2014. O evento é fechado ao público, porém, haverá transmissão ao vivo pelo canal da Confederação Brasileira de Motociclismo no YouTube.

A Pro Tork, maior fabricante de motopeças da América Latina e líder mundial na produção de capacetes, é patrocinadora oficial do evento e seus pilotos têm o apoio da NOS Energy Drink e Sportbay.

Sobre a Pro Tork: É a maior fábrica de peças e acessórios para motocicletas da América Latina e também a líder mundial em capacetes, tendo em seu catálogo mais de 40.000 itens de fabricação própria no Brasil. Localizada na cidade de Siqueira Campos, ao norte do estado do Paraná, a empresa negocia com mais de 60 países. Sua história teve início em 1987 com a fabricação de escapamentos de forma artesanal.

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email

Comentários

  • Facebook
  • Google Plus

Notícias relacionadas