NPdiário | Deputado apresenta 26 requerimentos para enfrentamento do Covid-19

Deputado apresenta 26 requerimentos para enfrentamento do Covid-19

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email

Estudantes de Medicina atenderão na Ouvidoria do SUS 

Em duas semanas de intenso trabalho, o deputado estadual Cobra Repórter (PSD) apresentou na Assembleia Legislativa do Paraná 26 requerimentos e um projeto de lei solicitando medidas para ajudar a conter a pandemia do coronavírus ou de auxílio à população e aos micros e pequenos empresários.

Mostrando sua força e credibilidade junto ao governo do Estado, alguns requerimentos já foram atendidos e colocados em prática pelo governador Ratinho Junior. Entre eles está o que garante apoio aos empresários, cujo pacote está sendo lançado nesta sexta (27), “uma medida de fundamental importância, pois o anseio deste segmento é imenso”, destaca Cobra Repórter.

Outras medidas que foram tomadas pelo governo do Estado, após a apresentação dos requerimentos de Cobra Repórter, foram a distribuição de alimentos para família de baixa renda, que está sendo feita pelos Núcleos Regionais de Educação e a suspensão dos cortes e da cobrança de água e luz por um período de 90 dias para as famílias cadastradas em programas sociais.

Na área da saúde, o secretário Beto Preto atendeu ao pedido do deputado e vai abrir a UTI (Unidade de terapia intensiva) do Hospital Regional do Norte Pioneiro, garantindo mais 10 leitos para a região. Também, depois do pedido do deputado Cobra Repórter, o governo está convocando estudantes de Medicina para atender na Ouvidoria do SUS (Sistema Único de Saúde) e os de farmácia para reforçar as atividades nas farmácias da rede estadual que apresentam maior fluxo de usuários cadastrados.

Já em relação às comunidades indígenas, o deputado havia solicitado a vacinação contra a gripe e kits de higiene e o governo do Estado já está em contato com as lideranças das aldeias para ver suas necessidades e, nesta sexta, a Secretaria de Estado da Justiça, Família e Trabalho anunciou R$ 2,4 milhões para auxiliar crianças e adolescentes originários de comunidades indígenas e de famílias de quilombolas.

Quanto à vacinação dos idosos contra a gripe H1N1, Cobra Repórter havia sugerido a vacinação domiciliar ou em sistema de drivre-thru, como vem sendo aplicada em Curitiba. Alguns municípios já adotaram esta ideia como Londrina e Rolândia.

“Nossa atuação é no sentido de garantir o melhor para a população, para os pequenos empresários que estão sendo grandemente prejudicados e para os idosos e mais necessitados. Queremos amenizar os efeitos desta pandemia que está mexendo com a vida de todos. Nossas ações têm sido urgentes e pontuais e o governo tem entendido a necessidade e atendido as que são possíveis de imediato. Alguns itens importantes ainda estão sendo discutidos como suspensão da cobrança da tarifa de pedágio”, destacou Cobra Repórter.

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email

Comentários

  • Facebook
  • Google Plus

Notícias relacionadas