NPdiário | Jacarezinho faz mutirões contra dengue para evitar crise como da Covid

Jacarezinho faz mutirões contra dengue para evitar crise como da Covid

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email

Secretaria da Saúde pede participação popular no combate ao mosquito             

O prefeito Marcelo Palhares fez, nesta segunda-feira, dia 25, uma convocação para todos os secretários, cargos comissionados e servidores em geral do município a participar de dois mutirões contra a dengue, a serem realizados dias 30 de janeiro e seis de fevereiro (próximos dois sábados).
Os mutirões terão início às sete horas e passarão por toda a zona urbana de Jacarezinho. A orientação é que a população também colabore para eliminar possíveis criadouros do Aedes aegypti.
O chefe do executivo que evitar que a doença novamente se torne epidemia na cidade, como em anos anteriores, e não se transforme  numa crise aguda como a causada pela Covid-19 atualmente, com muitas pessoas infectadas diariamente.
O surto acontece quando há o aumento repentino do número de casos de uma doença em uma região específica do município. Para ser considerado surto, o aumento de casos deve ser maior do que o esperado pelas autoridades. Em algumas cidades, a dengue é tratada como surto (e não como epidemia), pois acontece em regiões específicas (um bairro, por exemplo).
Epidemia se caracteriza quando um surto acontece em diversas regiões. Uma epidemia em nível municipal acontece quando diversos bairros apresentam uma doença, no caso a dengue.
A melhor forma de se evitar a dengue é combater os focos de acúmulo de água, locais propícios para a criação do mosquito transmissor da doença.
Para isso, é importante não acumular água em latas, embalagens, copos plásticos, tampinhas de refrigerantes, pneus velhos, vasinhos de plantas, jarros de flores, garrafas, caixas d´água, tambores, latões, cisternas, sacos plásticos e lixeiras, entre outros.
Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email

Comentários

  • Facebook
  • Google Plus

Notícias relacionadas